11/06/2014 às 21h51min - Atualizada em 11/06/2014 às 21h51min

Sebastião Barros: Ministério Público realiza diligência para apurar o funcionamento do Programa Mais Médicos

Promotor constatou que há diversas obras inacabadas no município

MP

Unidade Básica de Saúde da localidade Pitombas

 

O representante do Ministério Público na comarca de Corrente, Rômulo Paulo Cordão, acompanhado da servidora Letícia Tavares e do policial Paulo César, se deslocaram até o município de Sebastião Barros, a 70 km da sede da comarca, com o objetivo de apurar, in loco, as condições de funcionamento do Programa Mais Médicos no município. A equipe visitou o prédio em que funciona a Unidade Básica de Saúde da Família, bem como as unidades em reforma, tanto da zona urbana quanto da rural.

Em um balanço preliminar dos trabalhos, verificou-se que as condições estruturais são precárias, e que existem obras inacabadas em várias áreas do município; dentre elas, unidades de saúde.

 

Unidade Básica de Saúde funcionando em local improvisado

 

O prefeito não foi encontrado na sede da Prefeitura, e, de acordo com a equipe de vistoria, os funcionários presentes não souberam informar ao Ministério Público os nomes dos responsáveis pelas secretarias no município.

Em razão das várias irregularidades que devem ser melhor analisadas, o Promotor de Justiça instaurou procedimento investigatório para apurar as causas dos fatos constatados. A investigação também tem o objetivo de fortalecer os mecanismos de fiscalização sobre as contas do município, inclusive através do Poder Legislativo Municipal.

O representante do Ministério Público na comarca de Corrente, Rômulo Paulo Cordão, acompanhado da servidora Letícia Tavares e do policial Paulo César, se deslocaram até o município de Sebastião Barros, a 70 km da sede da comarca, com o objetivo de apurar, in loco, as condições de funcionamento do Programa Mais Médicos no município. A equipe visitou o prédio em que funciona a Unidade Básica de Saúde da Família, bem como as unidades em reforma, tanto da zona urbana quanto da rural.

Em um balanço preliminar dos trabalhos, verificou-se que as condições estruturais são precárias, e que existem obras inacabadas em várias áreas do município; dentre elas, unidades de saúde.

O prefeito não foi encontrado na sede da Prefeitura, e, de acordo com a equipe de vistoria, os funcionários presentes não souberam informar ao Ministério Público os nomes dos responsáveis pelas secretarias no município.

Em razão das várias irregularidades que devem ser melhor analisadas, o Promotor de Justiça instaurou procedimento investigatório para apurar as causas dos fatos constatados. A investigação também tem o objetivo de fortalecer os mecanismos de fiscalização sobre as contas do município, inclusive através do Poder Legislativo Municipal.

 

Farmácia Básica

 

 

Unidade Básica de Saúde funcionando em local improvisado

 

 

Promotor Rômulo Cordão em conversa com a médica cubana Claritza Damarys

 

 

Prédio do Conselho Tutelar

 

Local onde seria realizada obra para construção de escola desde fevereiro deste ano

Local onde seria realizada obra para construção de escola desde fevereiro deste ano

 

 

Construção de quadra escolar poliesportiva com término previsto para julho deste ano

Construção de quadra escolar poliesportiva com término previsto para julho deste ano

 

 

Construçao de ginásio poliesportivo sem data de início da obra

Construçao de ginásio poliesportivo sem data de início da obra

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »