13/10/2014 às 02h12min - Atualizada em 13/10/2014 às 02h12min

Prefeito Jesualdo Cavalcanti faz campanha para Dilma Rousseff nas redes sociais

Em seu perfil pessoal do Facebook, prefeito lembra de todos os benefícios que Corrente recebeu do Governo Federal

Portal Corrente

O prefeito de Corrente Jesualdo Cavalcanti vem utilizando o seu perfil social do Facebook para pedir votos para a presidente Dilma Rousseff neste segundo turno das Eleições 2014, a exemplo do que fez no 1º turno.

No texto que publicou neste domingo, intitulado “Porque votar em Dilma”, o gestor expõe todos os benefícios que o município recebeu do Governo Federal, dando ênfase a todas as obras da educação. Na área da saúde, além das duas unidades com as quais o município foi contemplado e a reforma de 6 unidades, destacou o Programa Mais Médicos, através do qual o município possui hoje 6 médicos cubanos trabalhando 8h por dia, “coisa antes inimaginável”.

O prefeito finaliza o texto afirmando que os políticos do “Sul Maravilha” não tem noção das necessidades do nordeste e deixa a seguinte frase: “Por que não votar em Dilma, desprezando todos esses avanços, deixando o certo pelo duvidoso?”.

A aprovação do prefeito Jesualdo Cavalcanti pôde ser constatada no primeiro turno das Eleições 2014, com a expressiva votação que os candidatos apoiados por ele receberam: Fernando Monteiro, dos inexpressivos 88 votos em 2010, passou para 2.198 na votação deste ano. O candidato Wellingtons Dias, também apoiado pelo prefeito, obteve 76,36% dos votos na cidade, um recorde.

Com o prestígio em alta, Jesualdo Cavalcanti não perde tempo e defende seu ponto de vista, que coloca o desenvolvimento de Corrente e do Piauí como prioridade, clamando aos seus admiradores e aos eleitores de Corrente a votarem em Dilma Roussef para presidente. Confira abaixo o texto publicado neste domingo pelo gestor:

 

POR QUE VOTAR EM DILMA
Para os pobres municípios do Nordeste, que sempre foram esquecidos, enganados e marginalizados pelos FHCs e PSDBs da vida, contar com a parceria leal e construtiva do Governo Federal na solução de seus problemas é um fato novo na história de nosso País e tem que ser lembrado e considerado no momento da escolha do futuro presidente da República. Pois temos consciência de que dotar os municípios das condições necessárias ao seu desenvolvimento é o caminho da libertação. Corrente, por exemplo, recebeu da dupla Lula/Dilma: três ônibus escolares, o Instituto Federal de Educação da Nova Corrente, a escola de seis salas da Vereda da Porta, as creches do Vermelhão e do Aeroporto II, as quadras poliesportivas do Morro do Pequi, Vermelhão e Aeroporto I e a Universidade Aberta; o Centro de Convenções e Eventos; as unidades de saúde da Nova Corrente (UPA) e de Santa Marta (UBS), além da reforma dos postos de saúde do Morro do Pequi, Vermelhão, Aeroporto I, Vereda da Porta, Riacho Grande e Pedra Furada. Se não bastasse, seis médicos cubanos, com os quais gastamos pouco mais de MIL REAIS mensais por cada um, dão assistência diariamente, oito horas por dia, consultando e orientando as pessoas na cidade e no campo, coisa antes inimaginável. Com a motoniveladora, a retroescavadeira, o caminhão-pipa, a pá carregadeira e a caçamba doados pelo Governo Federal, estamos melhorando as estradas e ruas, construindo e ampliando barragens, fortalecendo a agricultura familiar. Agora mesmo vamos fornecer aos pequenos produtores rurais, gratuitamente, 43,50 toneladas de calcário e 700 toneladas de adubos. E isto sem falar nos diversos programas que estamos executando ininterruptamente, em parceria com o Governo Federal, nas áreas da educação, saúde e ação social. Para os que sempre tiveram tudo, os mauricinhos do Sul Maravilha, que sempre usaram e abusaram do poder, isso não tem importância. Para nós, os marginalizados históricos, ao contrário, isso conta, e muito! Daí a pergunta: Por que não votar em Dilma, desprezando todos esses avanços, deixando o certo pelo duvidoso?

 

Link
Tags »
Prefeito Jesualdo Cavalcanti faz campanha para Dilma Rousseff nas redes sociais
Notícias Relacionadas »
Comentários »