27/02/2016 às 00h00min - Atualizada em 27/02/2016 às 00h00min

Quadrilha metralha GPM, explode Banco do Brasil e foge levando quatro reféns em Gilbués

Portal O Dia

Uma quadrilha com cerca de sete homens metralhou a sede do Grupamento de Polícia Militar (GPM), da cidade de Gilbués, Sul do estado, e em seguida se dirigiu até a agência do Banco do Brasil da cidade, e explodiu todos os cofres de autoatendimento do local. Segundo informações da PM, quatro reféns foram levados pela quadrilha, e ainda não há informações se já foram liberados.

De acordo com informações do comandante do GPM, tenente Salviano, o grupo chegou durante a madrugada deste sábado (27), por volta das 1h, parou em frente ao distrito, e metralhou por cerca de 5 minutos contra a sede e as viaturas. “Eles só chegaram lá e dispararam sem parar contra o local. Destruíram duas viaturas, acabaram com nossa Amarok e com o Palio, com tiros que duraram entre 4 e 5 minutos. Depois disso eles seguiram para a agência bancária”, repassou.

Fotos: Divulgação/PM

Explosivos foram usados para arrombar todos os cofres de autoatendimento da agência, que ficou destruída com a força da explosão. É possível verificar a situação do forro de gesso do local todo quebrado, assim como a parte de vidro do local. Moradores relataram que o barulho e a vibração foram tão fortes, que "parecia um terremoto".

Com o grupo bem armado, portando fuzis, os policiais que estavam de plantão no distrito precisaram aguardar a quadrilha ir embora, para depois verificar a situação. “Nesses casos, recebemos orientação de parar um pouco, e aguardar que eles façam o que tem pra fazer, porque eles não tem nada para perder”, disse o tenente Salviano.

Após espalhar o terror pela cidade, a quadrilha teria fugido em direção a Barreiras do Piauí, levando os quatro reféns, dentre eles uma mulher. A Polícia Militar realiza diligências pela região, juntamente com a Polícia Civil. Ainda não há informações se os reféns teriam sido liberados. A quantia levada do banco não foi informada.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »