09/11/2016 às 21h43min - Atualizada em 09/11/2016 às 21h43min

Terrenos públicos são invadidos por grande número de pessoas em Corrente

Ocupações incluem até o terreno do antigo lixão da cidade, com presença de homens, mulheres e crianças

Portal Corrente

Os moradores da cidade de Corrente foram surpreendidos esta semana com a invasão de terrenos em três distintas localidades, porém todas ao mesmo tempo.

No bairro Nova Corrente, nas imediações da horta municipal, um grupo de pessoas invadiu o terreno da prefeitura e construiu alguns barracos de lona, onde permanecem durante todo o dia.

No bairro Aeroporto, na PI 255, um grande número de pessoas invadiu uma considerável extensão de terra, onde realiza a limpeza e a divide em lotes, cercando com arame farpado. Homens, mulheres e até crianças participam da operação, assim como a presença de carros e motos pode ser percebida por toda a extensão da área invadida.


Área do antigo lixão

 

Mas o caso mais grave ocorre no terreno do antigo lixão, localizado na PI 411, na saída para o município de Racho Frio. No local igualmente podem ser vistas grande número de pessoas, carros  e motos. A limpeza também é feita com facões e queimadas, assim como já podem ser vistos algumas divisões feitas arame.

Nenhum dos ocupantes confirma que as ocupações são organizadas, conforme afirmam testemunhas. “Eles dizem que quem chegar vai pegando, é cada um por si”, diz um morador do bairro Aeroporto. No entanto, a coincidência das invasões deixa claro que há certa organização. Entre as pessoas que estão participando das operações podem ser identificadas moradores do próprio município, excluindo a possibilidade de se tratar de militantes do Movimento Sem Terra, como chegou a ser cogitado pela população da cidade.


Terreno da prefeitura invadido

O Procurador Geral do Município, João Augusto Paranaguá e Lago, afirma que esteve com os invasores do terreno da prefeitura, no bairro Nova Corrente. “Nós tomamos conhecimento da invasão na última quinta-feira e desde então tentamos negociar a retirada de forma pacífica dessas pessoas, no entanto eles foram bastante claros que não irão sair, pois afirmam que tem muita certeza de que a próxima gestão irá legalizar as ocupações”.


Área do antigo lixão
 

Lago declara ainda que teve conhecimento da invasão do terreno do antigo lixão somente na data de hoje, mas que as devidas providências legais já estão sendo tomadas para a desocupação imediata dos imóveis. "É um absurdo e um grande risco à saúde dessas pessoas, inclusive mulheres e crianças, a permanência no lixão. Sabemos que há um grande risco de contaminação e transmissão de doenças", comenta.

Quanto ao terreno no bairro Aeroporto, o procurador afirma que por se tratar de imóvel que não pertence à prefeitura não está autorizado a intervir nas ocupações. 


Barraco construído no terreno da prefeitura, próximo à horta comunitária


Barracos construídos no terreno da prefeitura, próximo à horta comunitária


Antigo lixão


​Antigo lixão


​Antigo lixão

 



​Antigo lixão

 


​Antigo lixão

 


​Antigo lixão


Ocupações no bairro Aeroporto


Ocupações no bairro Aeroporto


Ocupações no bairro Aeroporto


Ocupações no bairro Aeroporto


Ocupações no bairro Aeroporto


Ocupações no bairro Aeroporto


Ocupações no bairro Aeroporto

 

Link
Tags »
invasão Corrente Piauí
Notícias Relacionadas »
Comentários »