10/02/2017 às 18h12min - Atualizada em 10/02/2017 às 18h12min

Chuvas regulares desde dezembro indicam safra agrícola recorde em Santa Filomena

Blog do José Bonifácio

Plantio de soja na Fazenda Jatobá, na Serra das Guaribas, ao lado da BR-235, a 63 km de Santa Filomena

A safra brasileira de grãos 2016/2017 deve avançar 20,3% este ano em relação à safra 2015/2016, passando para 221,4 milhões de toneladas, estimou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na última quinta-feira (09), no quinto prognóstico para a safra de cereais, leguminosas e oleaginosas de 2017.
 
Todas as regiões devem ter aumentos na produção neste ano, segundo o instituto: Norte (13,4%), Nordeste (73%), Sudeste (11,1%), Sul (5,8%) e Centro-Oeste (20,5%).
 
No Piauí, o aumento da área plantada, as chuvas regulares e a baixa incidência de pragas indicam alta de 229,7% na produção, que pode alcançar 2.123.970 toneladas.
 

Cultura da Soja em estágio de desenvolvimento vegetativo, na Fazenda Produzir, na Serra das Guaribas
Na safra 2016/2017, a área com soja no Piauí foi estimada em 701,7 mil hectares, contra 565 mil na safra 2015/16. Embora seja ainda menor que a área ocupada no Maranhão e Bahia, mantidas as estimadas, na safra 2017/2018 os produtores piauienses de soja vão superar os seus colegas maranhenses.
 
Em Santa Filomena, que já é responsável por cerca de 12% de toda a soja plantada no Piauí, deverá colher, a partir da primeira quinzena de março, em torno de 242.000 toneladas da oleaginosa, desde que se confirme a área colhida de 84.000 hectares e se obtenha a produtividade média prevista de 2.886 quilos por hectare.
 
Assim, tudo indica que irão passar pelas rodovias PI-254 e BR-235 (estrada Gilbués/Santa Filomena) nada mais nada menos que  4.245 carretas Bitrem ou Treminhão, cada uma transportando 57 toneladas de soja; ou 3.270 caminhões Rodotrem, uma combinação de veículo de carga com dois semi-reboques, composta por uma total de 9 eixos, que permite o transporte de até 74 toneladas.

Plantio de Milho na Serra das Guaribas, com previsão de colher até 190 sacas por hectare  ou 11.400 kg/ha
 
MAIS CHUVAS – De acordo com a previsão probabilística de precipitação do INMET (Instituto Nacional de Meteorologia), teremos nos meses de fevereiro e março chuva acima da média no município de Santa Filomena e em todo o sudoeste do Piauí.
 
Por falar em média, informamos que a média pluviométrica histórica registrada na cidade de Santa Filomena, no sudoeste do Piauí, durante a estação chuvosa, de Novembro a Abril, no período compreendido entre 1984 e 2016 (32 anos), está assim: Novembro - 183,7 mm; Dezembro - 243,9 mm; Janeiro - 265,2 mm; Fevereiro - 239,5 mm; Março - 287,9 mm; e Abril - 157,2 mm. Os dados são do Escritório Local do EMATER (Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Piauí).


Segundo o INMET, nos meses de Fevereiro e Março teremos chuvas acima da média no sudoeste do Piauí

 

Fazendo-se a comparação entre a média pluviométrica histórica e o as precipitações verificadas no período chuvoso 2016/2017, percebe-se que, embora a regularidade climática, a chuva acumulada nos últimos meses ainda está abaixo do esperado. Em novembro de 2016 choveu 163,00 milímetros; em dezembro de 2016 apenas 181,5 milímetros; e em janeiro de 2017 registrou-se 255,0 milímetros.
 
Nos primeiros 9 dias de fevereiro os pluviômetros já aferiram 101,5 milímetros, representado quase a metade da média alcançada nos últimos 32 anos: 239,5 mm.
Vamos torcer para que as boas previsões meteorológicas se confirmem e o município de Santa Filomena possa alcançar mais um recorde na produção de grãos.
 
 
 
 

Link
Tags »
Santa Filomena soja chuvas produção agrícola recorde
Notícias Relacionadas »
Comentários »