17/04/2017 às 13h45min - Atualizada em 17/04/2017 às 13h45min

Prefeito Paulo Lustosa e secretários apresentam um balanço dos 3 primeiros meses de gestão

Ascom

O prefeito Paulo Lustosa Nogueira e os secretários municipais de São Gonçalo do Gurgueia participaram, na última quarta-feira, de uma reunião da Câmara de Vereadores do município, onde apresentaram à comunidade presente um balanço dos três primeiros meses de gestão e as perspectivas para o ano de 2017.


Secretária Maria de Fátima Barbosa Lustosa

 

A Secretária de Assistência Social, Maria de Fátima Barbosa Lustosa, iniciou a sua fala destacando os serviços oferecidos pelo CRAS. “Todos os trabalhos do CRAS estão disponíveis às necessidades da população com os Serviços de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, além de outros benefícios, como auxílio para viagens para tratamentos de saúde. A nossa gestão está fazendo o possível para atender as principais necessidades da população e a presença de todos nesse momento é muito importante”, enfatizou.

O Secretário de Saúde, Silvio Enrique, destacou as conquistas da pasta. “Hoje os postos de saúde estão todos abastecidos com remédios, dando tranquilidade à população. Outra conquista do município foi a aquisição de um veículo, que tem sido de grande utilidade para a pasta. Estamos lutando para superar as dificuldades, que têm sido geral nos municípios, e apesar do planejamento sempre acontecem os imprevistos, como o acidente com as duas ambulâncias, que nos causaram grande transtorno, mas permanecemos na luta”.

O Sargento Carlos, conhecido pela população como Sargento China, responsável pelo policiamento no município, agradeceu a parceria com o prefeito Paulo Lustosa. “Hoje nós temos apoio do gestor municipal, coisa difícil de acontecer. Nosso policiamento é ostensivo, a viatura não para, atendemos todas as ocorrências, inclusive do interior, graças a esse entendimento do prefeito de São Gonçalo, que se preocupa com a qualidade de vida da população e com a segurança do município.”, destacou.

A Secretária Municipal de Educação, Valmira Miranda, autora da proposição para a audiência pública, iniciou sua fala justificando a ausência do Promotor de Justiça, Dr Márcio Carcará, em virtude de problemas pessoais, oportunidade em que ele orientaria o Conselho Tutelar, do FUNDEB, PDDE entre outros e também faria, in loco, uma vistoria no transporte escolar, mas confirmou sua presença em nova audiência a ser remarcada.

Miranda colocou que a Secretaria de Educação está trabalhando para melhorar os índices com foco na qualidade do ensino e para tanto está garantindo os direitos dos que fazer o ensino – os professores. “A nossa gestão está pagando o Piso Nacional desde o mês de janeiro, lotamos nossos professores dentro do que é permitido por Lei, estamos pagando ajuda de custo para os que se deslocam para zona rural, promovemos capacitação e encontros com coordenadores pedagógicos e apoiamos e participamos da formação do PNAIC. Quero destacar ainda que estamos garantido merenda escolar para todos os alunos, inclusive ofertando aos pequeninos lanche em dois momentos, na entrada e no recreio, cumprindo a uma exigência do gestor - que não falte merenda para nenhum aluno!”.

Quanto à redução da jornada, a secretaria colocou que ainda precisa ser discutida e aprovada em lei municipal para contemplar os professores que já adquiriram o direito. Com relação à progressão, Valmira Miranda lembrou que a lei referente deixou de ser cumprida nos últimos anos, assim como a Regência de Classe, retirada por decreto pelo ex-gestor. "Estas questões precisam ser novamente discutidas", colocou.  Quanto ao terço de férias, foi proposto a implantação do pagamento por data de admissão, que será adotado a partir de 2018, sendo o pagamento referente ao terço em atraso, de 2016, feito integralmente no mês de julho deste ano.

O prefeito Paulo Lustosa destacou: “Toda gestão tem suas dificuldades e seus sonhos. Em nosso município temos dificuldades da água - lugares em que as casas não tem nem torneira na casa tem, o problema da luz, a manutenção das estradas. Descobrimos há poucos dias que todas as caixas d’água estão sem tampa, a nossa caçamba ainda aguarda a manutenção, enfim, os desafios são muitos, mas devagarinho vamos levando as melhorias. Temos ainda uma grande necessidade de uma ambulância, por isso todos os meses é uma romaria nos deputados e no governador, para buscarmos esses recursos”.

“Ainda assim eu continuo com o sonho de ver uma São Gonçalo diferente, cidade boa de viver, com ruas limpas, escolas funcionando, e para isso precisamos da confiança, da paciência e do amor do povo. E apesar de precisar de todo apoio possível, declaro aqui à população que não vou me envolver com corrupção, pois esse foi o meu compromisso assumido com a população quando fui eleito e é desse forma que irei governar!”


Marilene Ferraz Tavares, presidente do
Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SINSERPIM)

 


Thaís Oliveira Barreira, Conselheira Tutelar

 

Link
Tags »
São gonçalo do gurgueia Paulo Lustosa
Notícias Relacionadas »
Comentários »