15/06/2021 às 12h21min - Atualizada em 15/06/2021 às 12h21min

Sesapi pagará incentivo de R$1,50 por registro de dose aplicada de vacinas contra a Covid-19

O incentivo será enviado referente aos registros realizados por 30 dias a partir da data de publicação da resolução.

Redação
Em reunião da Comissão Intergestora Bipartite (CIB), realizada no último dia 08 de Junho, foi apresentada pelo Governo do Estado do Piauí, através da Secretaria de Estado da Saúde, a proposta do repasse de um incentivo para os municípios no valor de R$1,50 por dose de vacina contra a covid-19 aplicada na população registrada pelas gestões municipais nos sistemas de informação, o SI-PNI. A proposta, aprovada pela comissão, busca aumentar a agilidade do registro das doses já aplicadas pelos municípios, apresentando assim para a população e para os órgãos com interesse no tema informações mais atualizados possíveis sobre o andamento da imunização da população piauiense.

O incentivo deve ser disponibilizado a partir da data da publicação da resolução e será valido para os registros efetuados no prazo de 30 dias após a publicação. O Secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto, destaca que a medida vai ser benéfica  para todo o trabalho de imunização que já vem sendo realizado em todo o estado, reforçando ainda mais esse registro de informações mais confiáveis.

“Nós destacamos aqui que essa medida visa ampliar o registro fiel de informações do andamento da imunização piauiense contra a Covid-19. Um registro mais fiel da realidade permite a tomada de decisões que se adequem melhor ao momento do estado no campo da imunização, além de outros pontos como a própria informação para a população entender como seguem os nossos esforços nessa árdua batalha”, explica o secretário.
Cristiane Moura Fé, Diretora de Vigilância em Saúde, explica que será feito uma análise do período de 30 dias a partir da data de publicação da resolução da CIB, sendo encaminhado o incentivo para os 224 municípios referente aos  registros feitos dentro do prazo de 30 dias.

“Faremos esse corte para analisar a quantidade de registros feitos por cada município e podermos repassar corretamente o incentivo acordado na reunião da CIB. Será um apoio para os municípios atualizarem fielmente seus dados de vacina e assim possibilitar o governo do estado traçar novas estratégias baseados em dados atualizados”, destaca a diretora.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp