23/11/2017 às 20h22min - Atualizada em 23/11/2017 às 20h22min

Ex-prefeito de Corrente, Jesualdo Cavalcanti, tem as contas de 2013 aprovadas

Viviane Setragni
Portal Corrente

A Câmara de Vereadores do município de Corrente aprovou a prestação de contas da Prefeitura de Corrente de 2013, referente à gestão do ex-prefeito Jesualdo Cavalcanti Barros. A votação secreta aconteceu durante a sessão ordinária do dia 6 de novembro, sendo registrados 8 votos favoráveis à aprovação e 2 votos contrários, com a ausência justificada do vereador Critovam.

A análise das contas de governo do ex-gestor foi realizada com base no Parecer Prévio do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que votou por unanimidade para a aprovação das contas.

O ano de 2013 foi o primeiro ano da gestão de Cavalcanti, sendo marcada por atribulações e dificuldades decorrentes da má administração do ex-prefeito, que além do rombo nos fundos da previdência própria, deixou como legado o nome do município inserido no CAUC, situação que permaneceu por mais de um ano por diversos problemas.

Apesar das dificuldades, Jesualdo Cavalcanti implementou uma administração austera e comprometida com as contas municipais, tendo inclusive sancionado a Lei 520, que reformulou a estrutura administrativa da prefeitura. Além de diminuir as despesas, promoveu o aumento das receitas municipais, como no caso do ISS, em mais de um milhão ao ano.

O vereador Flávio Rivelino (PTB) afirma que a votação não seguiu critérios técnicos, e sim políticos. “As contas foram aprovadas por unanimidade pelo colegiado do Tribunal, então seria coerente que todos os vereadores também votassem pela aprovação. Infelizmente ela seguiu critérios políticos, o que é lamentável!”.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp