25/01/2018 às 14h36min - Atualizada em 25/01/2018 às 14h36min

Jesualdo Cavalcanti é homenageado com medalha no centenário da Academia Piauiense de Letras

Viviane Setragni
Portal Corrente

Uma noite de homenagens marcou a comemoração do centenário da Academia Piauiense de Letras (APL). Acadêmicos e personalidades que contribuem para a cultura literária do estado foram agraciados com medalha e diploma de honra ao mérito. O escritor Jesualdo Cavalcanti Barros foi um dos homenageados na solenidade realizada nessa quarta-feira (25), no Cineteatro da Assembleia Legislativa do Piauí.

O presidente da APL, Nelson Nery Costa, revela ser um momento de muita representatividade por ser uma casa que há anos contribui com a cultura do estado. "Ter uma instituição que complete 100 anos no Piauí é importante devido a sua tradição, especialmente as entidades civis, que são difíceis de ter essa longevidade, um resultado de várias gerações que contribuíram para a cultura e a própria história”, destacou o imortal.

A academia homenageou acadêmicos e personalidades que contribuíram para a cultura e com a instituição. 

Durante a solenidade, o desembargador e imortal Nildomar Soares fez o lançamento oficial, na presença de intelectuais, autoridades e dos membros da APL, do Livro Centenário, em comemoração aos 100 anos da Academia Piauiense de Letras.

APL

A Academia Piauiense de Letras foi criada, efetivamente, por um grupo de intelectuais, em 30 de dezembro de 1917, no salão do Conselho Municipal. A ideia inicial era organizar, em Teresina, a exemplo de outras capitais de estados da federação, um grêmio literário, tendo por fim a cultura da língua e o desenvolvimento da literatura piauiense.

Jesualdo Cavalcanti foi eleito para a Academia Piauiense de Letras e tomou posse na cadeira nº 3 no dia 06/08/2010.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp