07/06/2018 às 10h10min - Atualizada em 07/06/2018 às 10h10min

Programa Estadual de Certificação contemplará atividades de cabista (telecomunicações) e técnico em informática

Governo do estado lançará o edital até o final do mês

CCOM
O governador Wellington Dias anunciou, nessa quarta-feira (06), avanços no Programa Estadual de Certificação (Certific). Até o fim deste mês, deve ser lançado o primeiro edital de convocação, voltado para profissionais das áreas de telecomunicações e informática, interessados na chancela que o Estado passa a oferecer, legitimando o conhecimento técnico adquirido informalmente, fora de faculdades ou escolas profissionalizantes.

"São profissões que já existem, pessoas que dominam o conhecimento, às vezes, além de quem tem curso superior na área, mas não há um reconhecimento por parte do estado. Criamos o Certific que será integrado ao Pronatec, Educação de Jovens e Adultos (EJA), o FIQ, do governo federal, para darmos uma solução a diversas profissões", destacou o governador.

As atividades de cabista (telecomunicações) e técnico em informática serão contempladas no projeto piloto.

"Os interessados se inscreverão nesse edital, haverá uma banca composta de quatro profissionais que fará uma triagem. Atestando as habilidades exigidas, o candidato consegue o certificado", explicou José Barros, coordenador estadual do Certifiq.

Para desenvolver o projeto, a equipe do Certifiq se reuniu com sindicatos de trabalhadores de diversos segmentos, que pontuaram as atividades que mais necessitavam de reconhecimento. A certificação será feita por meio do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). O início ainda depende de autorização do Ministério da Educação (MEC). O número de vagas não está definido. A intenção do governo é lançar novos editais em 2019, aumentando a oferta de cursos.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp