19/09/2018 às 15h59min - Atualizada em 19/09/2018 às 15h59min

Obras da Funasa chegaram as cidades independente do apoio das grandes lideranças

Ai Comunicação
Candidato pela primeira vez a deputado estadual, o ex-presidente nacional da Funasa, o emedebista Henrique Pires, esteve visitando a cidade de São João do Piauí. A visita do candidato teve como objetivo verificar o andamento de obras da Fundação Nacional de Saúde que tiveram projeto e liberação de recursos alcançados durante sua gestão. O recurso para a obra foi destravado por ser a terceira vez que o projeto de São João recebia o dinheiro para a obra. 
 
Pires deixou a presidência da Fundação em abril para se candidatar, mas antes disso deixou inúmeras obras em andamento e outras concluídas em várias cidades do Piauí. Mesmo não contando com apoio político eleitoral do atual prefeito de São João do Piauí,o petista Gil Carlos, Henrique Pires fez questão de consolidar o projeto de saneamento que vai atender a 100% da população da cidade; atualmente com apenas 6% de esgotamento sanitário 
  
Pelo mesmo processo e na mesma situação – independente de apoio político local – passaram cidades como Água Branca, na região do Médio Parnaíba e Bom Jesus no extremo sul do Piauí. As duas cidades também são exemplos de municípios que alcançaram mais de 90% de esgotamento sanitário através de projetos concluídos na gestão de Henrique Pires a frente da Funasa. 

Em São João, além das estações elevatórias que estão sendo construídas foram aplicados, através da Funasa,  R$ 1,850 milhão em , sendo que R$ 1,3 milhão destes recurso foi destinado as regiões mais carentes da zona rural de São João, uma ação que beneficiou mais de 2 mil famílias. O investimento total está em esgotamento sanitário de mais de R$ 10 milhões. 
Na obra de saneamento a lagoa já foi terminada e agora estão em fase de construção as estações elevatórias.  “Saneamento é saúde e meio ambiente. Além das melhorias de saúde já conhecidas em obras de saneamento, no caso de São João, quem ganha é o rio Piauí, um rio genuinamente piauiense. Todos esses dejetos de esgoto poluem diretamente o rio. Com a obra de esgotamento isso acaba. Tenho orgulho de ter participado diretamente da liberação dos recursos dessa obra enquanto presidente da Funasa”, afirma.



 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp