26/09/2018 às 15h07min - Atualizada em 26/09/2018 às 15h07min

Moradores do extremo sul reclamam de falta d'água, saúde e estradas precárias; "Dr. Pessoa é esperança", diz enfermeiro

Ascom
A caravana da coligação "Mudar para cuidar da nossa gente" esteve esta semana em municípios do extremo sul do Piauí - Cristalândia, Corrente, Riacho Frio, Parnaguá, Curimatá e Bom Jesus. E o candidato ao Governo Dr. Pessoa (Solidariedade) ouviu dos moradores inúmeras críticas ao atual governo, pelo descaso a que estão submetidos os municípios da região.
As principais queixas apresentadas pela população referem-se à deficiência na distribuição de água, às péssimas condições das rodovias estaduais e à completa falta de estrutura dos hospitais.
 
Odílio Guedes, presidente do MDB em Cristalândia, afirma que, para receber atendimento médico, os moradores do município precisam se deslocar longas distâncias até outras cidades, o que, via de regra, acaba comprometendo o estado de saúde dos pacientes em situação de urgência ou emergência, e, em alguns casos, levando à morte. "Aqui, todo problema de saúde que alguém tem precisa ser atendido em Barreiras ou em Bom Jesus, porque até em Corrente a situação está precária. Em média, é preciso percorrer 200 km para ser socorrido. Aqui tem posto de saúde, mas nem parto aqui faz. Eu jamais votaria em Wellington Dias, porque o sofrimento de Cristalândia é grande demais. Talvez seja a cidade mais injustiçada do Piauí", afirma Odílio. 
 
O enfermeiro Décio, que trabalha no Hospital Regional de Corrente, afirma que a imensa maioria dos profissionais da saúde na região estão insatisfeitos com a forma com que o atual governo tem administrado o setor. "Nós temos uma esperança de mudar a saúde: o Dr. Pessoa. Os profissionais do Hospital de Corrente - e eu acredito que de todas as unidades de saúde da região - confiam nele para melhorar a saúde do nosso estado", afirmou o enfermeiro. 
 
O ex-vereador Nizu, de Cristalândia, relata que o problema da falta de água se arrasta há anos no município, e a cada eleição, tanto para o Governo do Estado quanto para a Prefeitura, os candidatos prometem uma solução, mas até agora ela não veio. "Tem um projeto para construção de uma barragem no Rio Palmeira que eles anunciam há mais de 15 anos. Mas até hoje nunca foi construída porque sempre os recursos são desviados", denuncia o ex-vereador, acrescentando que a construção de poços artesianos ajudaria a amenizar o problema na região.

O vereador Toninho, de Riacho Frio, também manifestou apoio ao candidato do Solidariedade esta semana. "Sempre apostei nas propostas do Dr. Pessoa, desde o momento em que tomei conhecimento da sua candidatura. E eu posso dizer que a realidade de Riacho Frio não é diferente da de outras cidades do extremo sul do Piauí. Nós temos muitas dificuldades, principalmente na saúde, na educação e na situação das estradas. Eu vejo em Dr. Pessoa a solução para resolver os problemas do nosso Piauí e da nossa cidade. Inclusive, nós temos uma estrada que liga Riacho Frio a Parnaguá, que já foi prometida por vários governantes, mas nunca foi concluída. Então, nós estamos pedindo que Dr. Pessoa vire os seus olhos para o nosso município e possa fazer algo por nós", afirma o vereador Toninho.

O delegado de Corrente Paulo Nogueira (PPS), candidato a deputado federal, afirma que a segurança pública também é uma área que tem recebido poucos investimentos do Governo do Estado, o que tem provocado um aumento nos índices de violência. "Hoje, o estado do Piauí virou foco de roubo a bancos e a caixas eletrônicos, e já não se rouba mais apenas o Banco do Brasil. Roubam os Correios, roubam a Caixa Econômica, e vocês padecem com as consequências dessas ações. Vocês passam seis meses, um ano, às vezes, sem poder usar determinado banco. Vocês sabem do que eu estou falando [...] Mas, além da minha intenção de melhorar a segurança do nosso estado, um dos motivos que me fez apresentar meu nome como candidato a deputado federal é exatamente o fato de residir nesta região e saber que ela está há 28 anos sem representantes no Congresso Nacional. O último terminou seu mandato em 1990", afirmou o delegado Paulo Nogueira, destacando que sente pelos atuais parlamentares da bancada federal a mesma "aversão" que o povo sente. 
 
Paulo Nogueira destacou que muitos municípios piauienses têm apenas dois policiais civis para revezar os plantões, o que, na prática, torna o trabalho da Polícia inviável. 
A candidata a deputada federal major Elizete Lima (Solidariedade), a candidata a vice-governadora Vanessa Tapety (PTC) e o candidato ao Senado Frank Aguiar (PRB) também acompanharam Dr. Pessoa nas visitas aos municípios do sul do estado.
 
Adesões
 
Quatro vereadores de Cristalândia aderiram à campanha de Dr. Pessoa: Cleiton Carlos, vice-presidente da Câmara, Adonias Filho, Jaelton Damaceno e Neuton Gonçalves, além das lideranças Odílio Guedes, Elton Carlos, Giselia Ferreira, o ex-vereador Sogás, dentre outras.
 
Em Curimatá, confirmaram apoio a Pessoa os vereadores Luziene Vogado e Adonaldo Bastos, e várias lideranças: Jânio Ribeiro, presidente do Sindicato Rural de Curimatá; Juninho do Trator, ex-vereador e candidato a prefeito na eleição passada, que recebeu 44% dos votos válidos; Aemerson, presidente do Solidariedade no município, dentre outras.
Em Parnaguá, Dr. Pessoa recebeu o apoio do grupo político do vereador Joilton Lustosa Santana, que é do mesmo partido de Pessoa, o Solidariedade, e foi o candidato mais votado para a Câmara da cidade nas eleições de 2016.
 
Na viagem ao extremo sul do estado, Dr. Pessoa recebeu ainda adesão de vários sindicatos rurais.
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp