24/08/2019 às 11h35min - Atualizada em 24/08/2019 às 11h35min

Ministério Público e SESAPI acordam iniciativas para a melhoria do atendimento nos hospitais do Sul do Piauí

Esteve em debate as melhorias nos hospitais dos municípios de Corrente, Bom Jesus e São João Piauí.

Redação

O secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto esteve reunido com a coordenadora do Centro de Apoio Operacional de Defesa da Saúde (Caods) do Ministério Público Estadual, promotora Cláudia Seabra para discutir a melhoria da estrutura dos hospitais do Sul do Estado, especificamente dos municípios de Bom Jesus, São João Piauí e Corrente. Além da equipe da Sesapi, também participaram da reunião os promotores Roberto Monteiro, da comarca de Bom Jesus; Jorge Pessoa, da comarca de São João do Piauí e o prefeito de São João do Piauí, Gil Carlos.

Esta primeira reunião entre Sesapi e Caods discutiu melhorias para o Hospital Regional Teresinha Nunes de Barros, em São João do Piauí; Hospital Regional Dr João Pacheco Cavalcanti, em Corrente e Hospital Regional Manoel de Souza Santos, em Bom Jesus. De acordo com o promotor Roberto Monteiro, da comarca de Bom Jesus, foi feita uma inspeção do hospital e algumas orientações já estão sendo cumpridas pela Secretaria de Estado da Saúde. “Depois da inspeção, muitas mudanças estão sendo feitas e outras ainda não foram atendidas. Nossa conversa é no sentido de tentar resolver”, afirma ele.

Segundo a coordenadora do Caods, Cláudia Seabra, o objetivo da reunião é levar para o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto os principais problemas que foram encontrados nos hospitais regionais destas cidades para minorá-los. “Numa conversa direta com o gestor, pretendemos melhorar o atendimento ao público e a estrutura dos hospitais destas regiões que já são tão carentes de atenção. Aqui vimos a boa vontade do gestor e pretendemos nos reunir mais vezes até solucionar os problemas”, diz Seabra.

O secretário Florentino Neto garante que é importante este diálogo entre o Ministério Público e a Secretaria de Saúde. “Precisamos saber onde estamos acertando ou errando para melhorar o trabalho. Pra nós é sempre um desafio que pretendemos cumprir, buscando soluções. Vamos olhar com carinho para todas as regiões”, diz Florentino Neto.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp