25/10/2019 às 07h13min - Atualizada em 25/10/2019 às 07h13min

Professor e alunos do curso Técnico em Informática do IFPI instalam internet em escola da zona rural de Corrente

Viviane Setragni
Portal Corrente
Prof. Paulo Filho (esq.), com os alunos Jardiel Miranda, Márcio Cleriston e José Wellington
A Escola Municipal José Joaquim de Oliveira,localizada no povoado Simplício, a 18 km do Centro de Corrente, agora dispõe de uma novidade: acesso à internet! Apesar de comum para a grande maioria da população brasileira, o acesso ao serviço ainda não é realidade na zona rural de muitos municípios. No caso de escolas, a falta de acesso à internet resulta em inúmeros prejuízos, inclusive para a parte administrativa e docente.

Em visita à escola, o coordenador do Curso Técnico em Informática do Instituto Federal do Piauí (IFPI), Campus Corrente, Paulo de Oliveira Gomes Filho, identificou o problema e ouviu o apelo do diretor, o professor Cantídio Paulo Barros Rocha, para que o serviço fosse instalado.



“Mobilizei  três alunos, Marcio Cleriston Dias Lopes Júnior, Jardiel Miranda Neres Barbosa e José Wellington Santos Nascimento para executar a instalação, junto a um provedor de internet local, de acordo com o estudo de viabilidade feito em um momento anterior”, explica o professor.

Na visão do coordenador do curso técnico, em uma parceria como esta é possível fazer o alinhamento entre a teoria e prática para os alunos do curso. “Desta forma proporcionamos um ambiente de aprendizagem mais atrativo e dinâmico, e ainda, o cumprindo uma das finalidades dos institutos federais conforme a lei 11.892/08, que é desenvolver a educação profissional e tecnológica como processo educativo e investigativo de geração e adaptação de soluções técnicas e tecnológicas às demandas sociais e peculiaridades regionais”, reforça.

 

Para o diretor da escola, Cantidio Paulo, é um grande sonho realizado ver a escola municipal alinhada com as Tecnologias de Informação e Comunicação. “Que todas as escolas possam estar conectadas, pois assim, conseguiremos melhorar nossos planejamentos e com isso melhorar o aprendizado de nossos alunos com o uso ferramentas tecnológicas”, avalia.



Para a instalação da internet, a antena externa foi cedida pelo professor Paulo Filho. Já o roteador da escola foi cedido pela prefeitura de Corrente, o que tornou o custo praticamente zero para a instituição. 












 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp