23/12/2019 às 21h05min - Atualizada em 23/12/2019 às 21h05min

Servidores municipais de Gilbués protestam por atraso no pagamento de novembro

Viviane Setragni
Portal Corrente


Os servidores municipais de Gilbués realizaram na manhã desta segunda-feira (23) uma manifestação pelo atraso do pagamento referente ao mês de novembro, vencido há mais de 20 dias.

O protesto aconteceu a partir da FESAG até a prefeitura, das 7h até às 9h30min.

De acordo com o presidente do Sindicato dos servidores públicos municipais de Gilbués, Barreiras do Piauí e São Gonçalo do Gurguéia - SINSERPIM-GBS, Arnon Santana Fernandes Gama, além do salário de novembro, que está prestes a completar um mês de atraso, o ato também solicita ao prefeito Léo Matos:
  • Tratamento igualitário entre todas as categorias do funcionalismo público municipal, já que, segundo eles, o gestor vem priorizando o pagamento de algumas categorias com o objetivo de enfraquecer os movimentos em busca de direitos;
  • Implantação do nível e classes de todos os servidores (alguns teriam sido contemplados outros não);
  • Pagamento da ajuda de Custo (transporte);
  • Concessão da Licença Prêmi;
  • Implantação correta dos profissionais da Saúde, conforme determina lei municipal 156/2018;
  • Fim dos processos administrativos que o prefeito está fazendo com alguns servidores, o que consideram perseguição
  • Pagamento dos repasses do sindicato, descontados no salário dos servidores e não repassados;
  • Pagamento dos consignados que são descontados no salário dos servidores e não estão sendo repassado para à origem;
  • Pagamento do abono de férias do ano 2019.

Ainda segundo Arnon, até o momento não houve nenhum comunicado da gestão municipal sobre os motivos ou previsão de pagamento do salário atrasado. O medo dos servidores é que haja mais um atraso, ficando os servidores sem dois meses de pagamento.






 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp