28/08/2020 às 18h24min - Atualizada em 28/08/2020 às 18h24min

TCE-DF investiga a doação de 22,5 mil EPI's para a prefeitura de Corrente

O governador do DF, Ibaneis Rocha, que passou a infância em Corrente, afirma desconhecer a doação

Parlamento Piauí

Depois da Polícia Federal amanhecer na sede do portal ligado do presidente do PSC do Piauí, advogado Valter Alencar, o alvo agora é o Hospital Regional João Pacheco Cavacante,  em Corrente, município situado a 860 quilômetros de Brasília, onde o governador do DF, Ibaneis Rocha (MDB) passou grande parte da infância.
 

A gratidão de Ibaneis é alvo de inquérito da Polícia Federal e de investigação do Tribunal de Contas do Distrito Federal que apuram a “doação”, pelo governo Ibaneis Rocha, de 22,5 mil equipamentos de proteção individual (EPIs) para Corrente, a pedido do prefeito Murilo Mascarenhas. Teriam sido doados 5 mil luvas (tamanho P), 5 mil luvas (tamanho M), 12.560 máscaras de proteção equivalente a N95 e 240 litros de álcool em gel 70%, em galões de cinco litros (item que estaria sobrando no DF)

Desde o início da pandemia, em março, servidores da Saúde do Distrito Federal denunciam a falta de EPIs adequados para o enfrentamento do coronavírus nos hospitais. O Distrito Federal contabilizou nessa quinta-feira (27) 2.425 óbitos desde o início da pandemia e o total de infectados chega a 156.863. Corrente  

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp