15/10/2020 às 16h48min - Atualizada em 15/10/2020 às 16h48min

Mulher sem tradição política tem candidatura registrada de última hora em Curimatá

A coligação Unidos por Curimatá, formada pelos partidos Republicanos, PT e MDB, registrou de última hora a candidatura de Mariolene Fernandes Ribeiro para vereadora. 

Segundo fontes, o nome dela não foi aprovado em ata e, apesar de ter sido candidata na última eleição, não possui atuação política na cidade.

Questiona-se por que, de última hora, a coligação registrou a candidatura de Mariolene, que não tem interesse na política local. 

Para cumprir a regra de 30% de candidaturas femininas, os partidos registram mulheres que não têm tradição nem interesse na política. De acordo com a Justiça Eleitoral, a prática agrava a baixíssima representatividade feminina na política brasileira.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp