27/04/2022 às 11h41min - Atualizada em 27/04/2022 às 11h41min

Queda de árvores na rede elétrica provoca prejuízos ao fornecimento de energia

Redação
Redação

Cultivar árvores é um hábito que muitas pessoas possuem, mas para que o hobby não se transforme em riscos é necessário ficar atento ao crescimento da vegetação para que não toque ou caia sobre a rede elétrica. Essa situação pode ocasionar uma série de transtornos, como interrupções no fornecimento de energia ou mesmo colocar em risco a integridade física da população.  

No primeiro trimestre de 2022, a Equatorial Piauí realizou aproximadamente 11 mil podas, sendo 6 mil somente na região metropolitana.  “A poda de árvores é uma ação preventiva, porém a sua execução deve ser feita pela prefeitura de cada cidade quando em locais públicos ou pelo proprietário do imóvel quando o terreno for particular”, afirma Eduardo Abreu, Executivo de Manutenção da Equatorial Piauí.

O aposentado Francisco Borges Leal, morador da zona norte de Teresina, fala dos cuidados que possui com a vegetação na sua residência. “Sempre tenho a cautela de realizar a poda para manter as árvores longe da fiação elétrica, assim evitando possíveis transtornos e riscos de acidentes”, relatou.

Caso a vegetação esteja tocando a rede elétrica, é importante que o cliente entre em contato com a Equatorial Piauí por meio da Central de Atendimento no telefone 0800 086 0800 e solicite a poda da árvore, informando o código único da residência mais próxima da árvore a ser podada. Assim, o serviço será realizado por profissionais capacitados com o objetivo de evitar transtornos ou riscos aos consumidores do local. “Vale destacar que distribuidora realiza o serviço de forma emergencial e preventivo para evitar acidentes com a população e danos elétricos, mas que a partir dessa intervenção, a manutenção da vegetação longe da rede elétrica deve ser feita por um dos entes”, disse Eduardo Abreu.    

“Em 2022 já foram investidos aproximadamente R$ 3,5 milhões no serviço de poda. Com a participação de todos no cuidado das árvores, esses recursos que hoje são alocados para a execução da poda poderiam ser investidos em ações de melhorias no sistema elétrico, disponibilizando um fornecimento de energia de mais qualidade, contínuo e seguro para os cerca de 1,4 milhão de consumidores piauienses”, concluiu o Executivo de Manutenção da Equatorial Piauí da regional Piauí, Eduardo Abreu.      


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp