18/09/2014 às 16h47min - Atualizada em 18/09/2014 às 16h47min

Zé Filho rebate críticas de prefeita de Altos com Pai Nosso e promete melhorias

Candidato também cobrou uma resposta do adversário Wellington Dias sobre os R$ 180 mil encontrados com seu motorista

Ascom Zé Filho

Candidato à reeleição pelo PMDB, o governador Zé Filho visitou a cidade de Altos na noite desta quarta-feira (17). No município que fica localizado 40 quilômetros ao Norte de Teresina, o peemedebista rebateu as críticas feitas pela prefeita Patrícia Leal (PPS), citou um trecho da oração Pai Nosso para relevar o conflito e ainda prometeu investimentos na “Capital da Manga”.

Em sua segunda visita a Altos na campanha, Zé Filho esteve acompanhado da primeira dama e deputada estadual Juliana Moraes Souza, do deputado federal Marcelo Castro e de lideranças locais, como o ex-prefeito Dr. Fonseca (PSB) e os vereadores Toni Rodrigues (PTB), Carlos Augusto (PROS) e Marcio Fontenele (PMDB). Edimê Freitas (PSB), prefeita de Coivaras, e Júnior Carvalho (PMDB), prefeito de Demerval Lobão, também participaram do comício realizado no Conjunto Ludgero Raulino.

Em discurso inflamado para centenas de pessoas, o candidato à reeleição ao Governo do Estado se esquivou de um confronto com a prefeita altoense Patrícia Leal. Bem humorado, ele preferiu uma mensagem espirituosa para responder às provocações que vem recebendo durante a campanha.

“A única resposta que posso dar à prefeita é o Pai Nosso: ‘Perdoai as nossas ofensas assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido’. Prefeita, eu lhe perdoo. A senhora não sabe o que está falando. Para cada palavra que sair da sua boca faremos algo a mais pela cidade de Altos”, comentou o peemedebista.

Concorrente de Zé Filho na corrida pelo Palácio de Karnak, o senador Wellington Dias (PT) não teve a mesma sorte de Patrícia Leal e foi bastante criticado, tanto pelos candidatos da coligação Piauí no Coração quanto pela população local.

“Minha gente, R$180 mil não é R$ 180. Quem anda com dinheiro ou qualquer coisa escondida? Eu me sinto um verdadeiro imbecil vendo o programa deles no horário eleitoral. Parece que não devem nada a ninguém. Ele não deu nenhuma resposta ao povo do Piauí, que era o mínimo que deveria fazer”, destacou o peemedebista referindo-se à apreensão de dinheiro debaixo do banco traseiro de um carro do primo e motorista do petista, José Martinho Ferreira de Araújo, em Barreiras, no interior da Bahia.

Importante liderança política de Altos, Espedito Pacífico (PTB) também explorou o fato ocorrido no último dia 11 de setembro. “Todos nós acompanhamos o caso dos R$ 180 mil apreendidos com o motorista do senador Wellington Dias. Quem vota em Zé Filho não precisa de dinheiro como esse que foi apreendido. Quem vota em Zé Filho o faz de forma consciente”, comentou.

Após o compromisso em Altos na quarta-feira, Zé Filho coloca o pé na estrada e intensifica sua campanha no interior do estado. Somente nesta quinta-feira ele visitará dez cidades: Demerval Lobão, Lagoa do Piauí, Monsenhor Gil, Miguel Leão, Barro Duro, Passagem Franca, Olho D’Água, Lagoinha do Piauí, Hugo Napoleão e Água Branca.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp