01/02/2018 às 17h13min - Atualizada em 01/02/2018 às 17h13min

São Gonçalo do Gurgueia sediará o maior parque solar do estado do Piauí

Governador Wellinton Dias confirmou investimentos da multinacional Enel no município durante reunião no Karnak

Portal Corrente

Em reunião, no Palácio de Karnak, nesta quinta-feira (1º), o governador Wellington Dias recebeu representantes da Enel Green Power, multinacional que já atua no Piauí com a maior empresa de energia solar da América Latina e que agora amplia seus investimentos para os municípios de São Gonçalo do Gurguéia e Lagoa do Barro. Na ocasião, foi apresentado o potencial de geração elétrica de novos investimentos e discutida a parceria para a capacitação de pessoal e infraestrutura necessárias.

Com a maior área de exploração de energias renováveis ofertada no último leilão da União, o Piauí tem ampliados os investimentos na geração de energia solar e eólica. “Foram apresentados os investimentos em São Gonçalo do Gurguéia, que será um grande parque solar da região, duas vezes maior do que a de Ribeira do Piauí (Usina de Nova Olinda), e em outras regiões como Lagoa do Barro e Queimada Nova”, informou o secretário de Mineração e Energias Renováveis, Luís Coelho.

Para o secretário da pasta, a energia solar rapidamente irá chegar a 1 gigawat devido às novas aberturas de usinas fotovoltaicas no território piauiense e ao novo leilão da União previsto para 4 de abril. O Piauí possui mais de 1,3 GW só de energia eólica o que, de acordo com o governo, já é maior que o consumo de todo o estado. Na região de Lagoa do Barro a produção regulada, estabelecida através do leilão, é 510 megawatts e em São Gonçalo do Gurguéia 308 MW. Juntos, os novos investimentos da empresa multinacional chegam a aproximadamente R$ 10 bilhões.

“Fizemos uma reunião de trabalho para priorizar a contratação de empresas, de pessoas, cuidar da qualificação, da segurança, do licenciamento e da regularização fundiária. E da integração entre os dois municípios e os outros da região”, explicou o governador Wellington Dias.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp