15/10/2015 às 00h24min - Atualizada em 15/10/2015 às 00h24min

"Lagoa de Parnaguá pega fogo!"

Antigo cartão postal da cidade, lagoa que já foi a quinta maior natural do Brasil ficou com o leito seco em chamas no final desta quarta-feira

Portal Corrente. Fotos: Edmilson Ribeiro

Os moradores da cidade de Parnaguá, extremo sul do estado do Piauí, foram pegos de surpresa no final da tarde desta quarta-feira (14/10) com a visão do incêndio no leito seco da Lagoa que era, há apenas três anos, o grande cartão postal da região. 

Com o título de cidade com maior número de focos de incêndio do país no ano de 2015, Parnaguá chegou hoje em uma situação extrema, em que a natureza agoniza diante dos olhos de toda a comunidade, que sente-se impotente diante dos fatos.

No ano de 2010, o Ibama já havia dado o alerta de que o ecossistema da lagoa estava sendo afetado pelos constantes desmatamentos e queimadas às suas margens, assim como a destruição da mata ciliar dos afluentes que alimentavam a lagoa. No ano de 2013 a previsão se tornou realidade e o município ficou sem a sua principal fonte de abastecimento de água para a população da zona urbana com a seca parcial da lagoa, mudando drasticamente os hábitos e obrigando o poder público a investir em novas fontes de água, situação que até hoje ainda não foi completamente solucionada.

A Lagoa de Parnaguá, que media 12 quilômetros de extensão por 6 quilômetros de largura, era também o centro turístico do município e de toda a região, além de servir de suporte para os criadores de gado, em parte responsáveis pela tragédia.

No ano de 2014, a população tinha a esperança de que o leito iria aos poucos recuperar o seu volume e a lagoa chegou a dar sinais de que o faria. Mas quando o período de seca retornou, o volume voltou a secar drasticamente, já que, além de assoreada, os seus afluentes Corrente e Paraim secaram antes mesmo da divisa entre os municípios de Corrente e Parnaguá, evidenciando que não somente a lagoa, mas todo o ecossistema da Bacia do Rio Paraim está entrando em colapso.

Desolada e sem saber o que fazer, a população vem denunciando nas redes sociais que o leito seco da lagoa já está todo cercado por criadores de gado, conhecidos na cidade. A queimada desta quarta-feira representa um marco: a seca veio para ficar, e o poder público, em todas as esferas, ainda não tomou nenhuma medida, assim como não é conhecido nenhum projeto de recuperação e revitalização da Lagoa, nem dos afluentes que a alimentam.

Matéria relacionada:

Desastre ambiental: Lagoa de Parnaguá está morrendo

Link
Tags »
Lagoa de Parnagu pega fogo
Notícias Relacionadas »
Comentários »