19/03/2014 às 17h00min - Atualizada em 19/03/2014 às 17h00min

Presidente do SINTE-PI, regional Corrente, participa da greve nacional dos trabalhadores em educação

Sandra Marília, juntemente com diversos professores do extremo sul do Piauí, está em Brasília participando pessoalmente da mobilização

Portal Corrente

A presidente do Sinte-PI, regional Corrente, está em Brasília nesta quarta-feira (19), somando forças à reivindicação da Greve Nacional dos trabalhadores em educação, que acontece desde o dia 17. São esperados mais de 5 mil professores de todo o país, com o objetivo de reivindicar diversas melhorias para a categoria.

Sandra, que articula desde a semana passada em Corrente e região para que as escolas aderissem à greve, declara que, apesar de cansativa, a luta já é uma marca da profissão. "Estive todos os dias, desde a semana passada, em diversas cidades do extremo sul, explicando aos professores a importância desta mobilização. Não podemos continuar de braços cruzados enquanto o governo desvaloriza de forma vergonhosa a educação. Em Corrente tivemos adesão de grande parte dos professores da rede estadual, que comungam das nossas reivindicações. Apesar de cansada, sei que essa luta não pode parar!".

Dentre as solicitações dos professores estão o cumprimento da lei do piso, carreira e jornada, investimento dos royalties de petróleo na valorização da categoria, votação imediata do Plano Nacional de Educação, destinação de 10% do PIB para a educação pública, contra a proposta dos governadores de reajuste do piso e contra o INPC.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp