09/11/2017 às 19h30min - Atualizada em 09/11/2017 às 19h30min

9ª Conferência Municipal de Saúde de São Gonçalo destacou as melhorias implementadas no município

Desafios do dia-a-dia, a participação da comunidade e a importância do acolhimento foram alguns dos assuntos debatidos durante o evento

Ascom

A Secretaria Municipal de Saúde de São Gonçalo do Gurgueia realizou nesta quarta-feira (8) a 9ª Conferência Municipal de Saúde, com o tema "Controle social, gestão participativa e humanização dos serviços".

A solenidade de abertura contou com a presença do vice-prefeito, Joatan Lustosa, do secretário municipal de Saúde, Silvio Enrique Barreira de Macedo, da secretária de Assistência Social, Maria de Fátima Barbosa Lustosa, da secretária de Administração e Finanças, Roselídia Lustosa, do presidente do Conselho Municipal de Saúde, Maurício Fernandes Barros, da médica Yusnelis Vizcaino Branco e do vereador Alessandro Custódio, representando o legislativo municipal. Participaram da conferência os servidores da área da saúde de todo o município, servidores de outras pastas e pessoas da comunidade.


Secretário Municipal de Saúde, Silvio Enrique
 

O evento iniciou com o depoimento da professora Evilânia Miranda, que teve câncer em idade ainda precoce, e chamou a atenção para a importância da prevenção para o tratamento eficaz da enfermidade. “Todos ficaram surpreendidos quando eu descobri  que estava com câncer, pois era muito nova e minha família não tinha nenhum caso registrado. O tratamento foi doloroso, mas eu consegui vencer, graças a descoberta precoce e à minha persistência. Por isso faço um apelo para que todos realizem exames periodicamente, mulheres façam o autoexame porque a descoberta precoce pode ser a diferença entre a vida e a morte”.

O agente de endemias Marto Sebastião Pereira da Silva fez uma palestra com o tema “Prevenção de riscos e agravos à saúde da população”, abordando questões como a importância do envolvimento da sociedade na promoção da saúde, o trabalho árduo dos agentes no dia-a-dia e a necessidade de eliminar velhos tabus que facilitam a propagação de doenças.

A enfermeira Deiany Mello ministrou uma palestra sobre o “Direito à saude, garantia de acesso e atenção de qualidade”. Deiany também destacou as melhorias implantadas na área da saúde no município de São Gonçalo, as dificuldades do sistema público de saúde em de forma geral em decorrência da crise econômica que afeta o país e a importância do bom atendimento aos pacientes que procuram a rede pública de saúde.

Márcia Araújo, Especialista em Gestão em Saúde, Interlocutora do Sistema de Informação de Agravos e Notificação (SINAN)/Piauí, ministrou a palestra magna, "Controle social, gestão participativa e humanização dos serviços", destacando igualmente a necessidade de um bom acolhimento aos pacientes. Márcia também lembrou da responsabilidade dos profissionais da pasta em promover pequenas atividades que complementem os tratamentos médicos, até como forma de prevenção, tal como uma agenda semanal com caminhadas para grupos específicos de hipertensos ou idosos. "São pequenas ações que fazem muita diferença em toda a comunidade", colocou.

A manhã foi encerrada com a participação do enfermeiro Euker Lustosa Sena, que relatou as mudanças e melhorias implementadas na rede de saúde do município.

No restane do dia foram formados os grupos de discussões para a elaboração do plano municipal de saúde, finalizando a conferência com a plenária e eleição dos delegados que participarão da conferência estadual de saúde.


Professora Evilânia


Marto Sebastião Pereira da Silvia, Agente de Endemias


Enfermeiro Euker Lustosa Sena
 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp