22/03/2020 às 20h25min - Atualizada em 22/03/2020 às 20h25min

Prefeitura de São Gonçalo solicita providências da Enel para evitar a disseminação do Covid-19 no canteiro de obras da Usina Solar

Ascom Prefeitura
A prefeitura de São Gonçalo do Gurgueia entregou à empresa Enel Green Power, na última sexta-feira (20), um ofício solicitando providências junto aos funcionários do canteiro de obras da Usina Solar São Gonçalo para evitar a disseminação do coronavírus, o Covid-19. O ofício nº 030/2020, assinado pelo secretário municipal de Saúde, Silvio Enrique Barreira de Macedo, foi entregue durante encontro com representantes da empresa, onde estiveram presentes o prefeito Paulo Lustosa Nogueira, o secretário e equipe da prefeitura para tratar pessoalmente do assunto.

Na reunião, realizada na sede da prefeitura, a gestão reiterou o seu pedido à empresa. "Nossa reunião contou com representantes da Secretaria Municipal de Saúde, de Educação, Vigilância Epidemiológica, servidores da administração municipal e do vereador Lucas para tratarmos das medidas que possam conter e combater o coronavírus, pandemia que assola o mundo. Sabemos que a responsabilidade não é exclusiva da gestão municipal ou da empresa, mas de todos, e este é o momento de juntarmos forças para combater essa calamidade", colocou o prefeito.

Ele destaca que a sua maior preocupação quanto ao canteiro de obras é em relação à grande quantidade de funcionários que lá circulam diariamente."São 1.700 pessoas convivendo diariamente, com o risco muito grande de contágio. Eu cheguei a solicitar a diminuição da quantidade de funcionários nesse período, pois  além de serem transportados em ônibus, eles fazem as refeições juntos, o que é muito preocupante".

A empresa, por sua vez, apresentou um plano de ação com um série de medidas preventivas, que já estariam sendo tomadas para assegurar o bem estar dos seus funcionários, como estímulo e orientações sobre higiene antes das refeições, manipulação de copos, talheres e objetos de uso pessoal, conduta quando tossir ou espirrar e cuidados para não contaminar os olhos, nariz e boca. Além disso, os funcionários deverão realizar as refeições em número de 100, guardando distância entre si dentro do refeitório.

Quanto à saúde dos funcionários, foi informado que o monitoriamento está sendo feito pelo médico da empresa que atua dentro do canteiro de obras e que possíveis casos suspeitos serão encaminhados para o município de Barreiras/BA, base de referência para a empresa em relação ao Covid-19.

O prefeito Paulo Lustosa informa ainda que acontecerá nesta segunda-feira (23) um encontro com os prefeitos de Gilbués, Leo Matos, e de Corrente, Gladson Murilo Mascarenhas Ribeiro, para discutir sobre medidas de segurança a serem adotadas, considerando a grande quantidade de funcionários da empresa que residem nas três cidades e que diariamente são transportados para o canteiro de obras.


 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp