12/03/2014 às 20h54min - Atualizada em 12/03/2014 às 20h54min

SEMAR realizou Seminário sobre a Gestão dos Recursos Hídricos na Bacia do Gurgueia em Corrente

Dia 22 de março governador assinará o decreto de criação do Comitê em Bom Jesus.

Portal Corrente

Foi realizada na manhã desta terça-feira, 11 de março, um Seminário sobre a Gestão dos Recursos Hídricos na Bacia do Gurgueia, realizado na Casa de Cultura de Corrente. O Secretário do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (SEMAR) do Estado do Piauí, Dalton Macambira, presidiu a mesa e conduziu os trabalhos durante toda a manhã, que contou com a presença do prefeito Jesualdo Cavalcanti, o Superintendente de Meio Ambiente do Município, Jesy Lemos, o Chefe do Escritório Regional de Corrente do IBAMA, Augusto Elias Paranaguá Nogueira, o representante do ICMBio, Ivaneil Lustosa, além de representantes de diversos municípios que fazem parte da Bacia Hidrográfica do Rio Gurgueia.

O Secretário Dalton Macambira esclareceu a todos sobre a importância da criação do referido Comitê, que terá a missão de aprovar, propor, acompanhar e elaborar programas e projetos relacionados aos recursos hídricos, assim como intermediar e decidir conflitos entre usuários. “Nosso grande objetivo é promover o uso mais adequado dos recursos hídricos para a região, constituindo um parlamento de águas, que será formado por representantes do poder público e sociedade civil, de forma paritária”, esclareceu.

Já o prefeito Jesualdo Cavalcanti lembrou a todos a prioridade que a questão ambiental possui em sua gestão. “Corrente está fazendo a sua parte com relação ao meio ambiente: estruturamos a Superintendência e formamos uma equipe multidisciplinar, com grande conhecimento técnico, e o Estado também fez a sua parte, enviando-nos uma equipe para capacitar estes profissionais para a emissão de licenças ambientais. Estado e município estão cumprindo o seu papel e agradecemos especialmente ao Secretário que nos deu todo o suporte necessário e atendeu a todas as nossas solicitações para a estruturação da nossa Superintendência de Meio Ambiente e consequente emissão de licenças ambientais, sem que seja mais necessário andar 900 km para a obtenção destas licenças, muitas vezes por empreendimentos simples, de pequeno impacto ambiental. A prefeitura de Corrente coloca-se inteiramente à disposição SEMAR”, colocou.

Jesualdo Cavalcanti também chamou a atenção para a difícil situação do meio ambiente no extremo sul do Piauí: “Vivemos hoje uma situação gravíssima, pois acordamos muito tarde para a questão ambiental! O Rio Corrente, por exemplo, era um rio caudaloso e hoje é um filete de água! O Rio Paraim chega a secar determinada época do ano! Medidas urgentes são necessárias! Chamo a atenção também à questão da Barragem Atalaia, que é necessária, porém é do conhecimento de todos que os requisitos básicos e medidas preventivas não foram cumpridas”, enfatizou o prefeito.

A participação do plenário foi significativa, onde os assuntos mais urgentes de toda região extremo sul foram abordadas pelos representantes de todos os municípios, o que deixou em evidência a urgência de uma representatividade ambiental que esteja presente e que seja efetivamente atuante. Dentre as inúmeros questionamentos realizados, os principais foram os seguintes:

Uniformização no Núcleo de Desertificação de Gilbués: hoje 15 municípios fazem parte deste núcleo, sendo que 9 adquiriram o direito de pertencer a região semiárida e seis estão totalmente fora. “Todos que estão no núcleo têm os mesmos problemas, mas nem todos que estão no núcleo têm acesso aos mesmos direitos”, foi colocado.

Desmatamento da Serra do Gado Bravo: foi questionado por que a SEMAR concedeu a licença de desmatamento e por que a renovou. Hoje, além de destruir a nascente que abastece o município com água potável, há mais de 100 fornos de carvão em cima da Serra.

Denúncias feitas não resultam em punições.

Barragem Atalaia: foram questionados a forma para a  obtenção da licença ambiental, a indenização das famílias, a realocação das famílias, a realocação ambiental e o impacto sobre a Lagoa de Parnaguá.

O Secretário respondeu detalhadamente a cada um dos questionamentos e fez as devidas orientações a respeito de cada assunto.

Ao final, o Secretário convocou a todos a estarem presentes no dia 22 de março, no município de Bom Jesus, onde será eleita a primeira direção do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Gurgueia, onde o Governador Wilson Martins estará presente, assinando o decreto de criação do referido Comitê.

 

 

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp