15/07/2013 às 18h35min - Atualizada em 15/07/2013 às 18h35min

Falta de internet prejudica moradores de Corrente

Diversos comércios e população ficaram sem o serviço

Portal Corrente

A péssima qualidade do sinal de internet impediu o bom funcionamento de diversos comércios, prestadores de serviço e até repartições públicas de Corrente no dia de hoje, 15 de julho.

Recargas de celulares, pagamentos com cartões de crédito e simples e-mails não puderam ser realizados desde ontem (14). O Portal Corrente também encontra dificuldades em atualizar suas informações e galerias de fotos, já que depende quase exclusivamente da internet.

De acordo com pesquisa realizada, o problema foi constatado em apenas uma das empresas que fornecem o sinal. Ninguém da empresa foi encontrado para prestar esclarecimentos, pois ninguém atendeu nos diversos telefones e o escritório estava fechado.

Ao final da tarde o sinal voltou, porém ainda assim a internet está muito lenta. A população correntina há tempos sofre com a péssima qualidade do serviço, que hoje impede o funcionamento adequado de repartições públicas, como assinatura de convênios pela prefeitura com os governos estadual e federal; remessas de movimentações financeiras, envio de dados, não sendo raro o dia em que até mesmo os bancos suspendem o atendimento ao público por causa da falta de sinal de internet.

O presidente da OAB Seccional Piauí, William Guimarães, levantou a questão quando esteve no município na última semana. "O caso é tão grave que até o sistema judiciário hoje está comprometido. Hoje vivemos um novo momento através do Sistema Judiciário Eletrônico, diminuindo a burocracia, porém temos que retardar esse processo por causa da situação absurda como a que aqui encontramos. Apesar de não ser da alçada da OAB, estaremos agindo através da Comissão de Defesa dos Direitos do Consumidor", delcarou o presidente.

A primeira dama, Maria do Socorro Cavalcanti, também tem se empenhado em resolver a situação. Segundo a mesma, já esteve inclusive em Brasília, munida de uma série de documentos.

Quando se busca a causa que explique o péssimo serviço prestado, não é possível encontrar uma única informação consistente que justifique a situação. Diversos técnicos dão inúmeras explicações, cada uma diferente da outra, e muitas promessas de melhorias já foram e continuam sendo feitas, porém até o momento não há nada de novo.

A internet poderia ser hoje um grande instrumento de aproximação do município de Corrente, que sofre pela sua localização geográfica, dos governos estadual e federal, e permitiria que assuntos de extrema importância fossem resolvidos em tempo real, sem burocracia e com a diminuição considerável de custos, assim como o acesso da população à informação, e aos estudantes à novas fontes de conhecimento, que hoje praticamente não encontra mais fronteiras. Mas Corrente ainda está distante desta realidade, tanto quanto a distância física, graças ao descaso de grandes corporações, assim como a falta de fiscalização dos órgãos competentes, como ANATEL e Ministério Público. Há tempos a internet deixou de ser apenas um lazer, transformando-se hoje no grande instrumento de globalização do mundo. Corrente precisa mudar esta realidade. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp