28/08/2013 às 10h44min - Atualizada em 28/08/2013 às 10h44min

Vereadores de Curimatá tentam impedir destruição da Serra do Gado Bravo

Empresários projetam desmatar parte da Serra

Matéria e foto dos vereadores: Cidade Verde; fotos da Serra: http://www.curimata.blogspot.com.br
Um comitiva de cinco vereadores do município de Curimatá se mobilizam para tentar impedir o desmatamento da Serra do Gado Bravo para a construção de cerca de mil fornos para produção de carvão vegetal. A região é considerada, desde 1995, área de preservação ambiental e, de acordo com Valdecir Júnior, ex-prefeito e advogado da Câmara, além dos danos ambientais irreversíveis, o desmatamento atingiria, diretamente, cerca de 12 mil habitantes da região.
 
 
Valdecir Júnior explica que parte do sistema de abastecimento da região é realizado com a água proveniente da Serra do Gado Bravo. Com a destruição da área, os municípios de Júlio Borges e Curimatá seriam abastecidos apenas através da Barragem de Algodões II, o que, segundo o ex-prefeito, seria insuficiente.
 
"Na Serra do Gado Bravo existe um olho d'água de onde vem a água para abastecer o município. Com o desmatamento, cerca de 12 mil pessoas seriam prejudicadas e a água da Barragem Algodões II não teria capacidade para abastecer os dois municípios", destaca Valdecir Júnior.
 
O presidente da Câmara de Curimatá, Gábino Nunes de Araújo, destaca ainda que, além dos danos ambientais e a carência da água, a população enfrentaria  sérios problemas de saúde devido à fumaça.
 
"A empresa responsável pela carvoaria é de Minas Gerais e estradas vicinais já estão sendo abertas para a construção dos fornos. O Ibama é responsável pela licença ambiental e o grupo de fora vem e não respeita os direitos de quem mora na região", desabafa Gábino Nunes. 
 
Dos nove vereadores do legislativo municipal, cinco estão engajados na questão ambiental que tenta impedir a destruição da área. Além do ex-prefeito e do presidente da Câmara, estão em Teresina, o vice-presidente da Câmara, Benedito Vogado Guerra, a secretária da Câmara, Alba Regina Jacobina de Alencar, e os vereadores Adonaldo Rodrigues Bastos e Raimundo Nonato Bezerra que pretendem dialogar com representantes do Ibama, Secretária Estadual e Municipal de Meio Ambiente e Instituo Chico Mendes.
 
 

 

 

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp