17/11/2021 às 11h50min - Atualizada em 17/11/2021 às 11h50min

População de Santa Filomena debaterá sobre problemas nos serviços fornecidos pela Equatorial Piauí em Audiência Pública

Evento acontecerá na Câmara de Vereadores na manhã desta quinta-feira (18)

Viviane Setragni
Portal Corrente
Cansada de sofrer com os problemas no abastecimento de energia elétrica, sob resposabilidade da Equatorial Piauí, a população de Santa Filomena realizará nesta quinta-feira (18) uma Audiência Pública para debater sobre o problema. A iniciativa da audiência foi da própria comunidade, que recebeu apoio de representantes do executivo e do legislativo municipal, como explica o comerciante Pedro Herculano.

"Bom, a iniciativa surgiu da insatisfação da sociedade pelo descaso da Equatorial com os consumidores. São constantes a falta de energia e também a demora no restabelecimento dos serviços. Eu compartilhei a minha indignação com o secretário de saúde do município, Aloísio, e tivemos a atitude de ir à Câmara de Vereadores para pedir ajuda. Foi mesmo um pedido de socorro, e de imediato os vereadores convocaram as autoridades para fazer valer o pedido da população, através da audiência pública", explica.

Representando a categoria dos comerciantes, Pedro Herculano explica que o setor é um dos mais prejudicados. "Tenho três anos brigando, pelejando, já tive que recorrer a um serviço alternativo pra que eu possa fazer funcionar a minha empresa, pois já tive muitos prejuízos. E na nossa demanda, nem o jucidiário nos ajuda, são anos de denúncias, nunca aconteceu nada", desabafa o comerciante.

Ele explica ainda que um dos maiores problemas é a ausência de profissionais da área atuando diretamente no município. "Com a ocorrência de um  mínimo problema temos que esperar uma equipe vir de Corrente, que fica a 220 km, ou de Gilbués, distante 140km. Chegamos a esperar até 20 ou 24 horas pra ser restabelecido o serviço, que muitas das vezes poderia ser feito em menos de 5 minutos", denuncia.

A audiência acontecerá na Câmara de Vereadores, a partir das 9h da manhã. As autoridades foram convidadas a participar da audiência, e um grande número de pessoas da comunidade é esperada.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp