21/08/2018 às 17h59min - Atualizada em 21/08/2018 às 17h59min

Evento na Casa da Cultura debaterá violência contra a mulher

Entre os temas que serão abordados estão a Lei Maria da Penha, aplicativo Salve Rainha e atendimento à mulher na Polícia Civil. Participação confirmada da Defensoria Pública, MP e Polícia Civil

Viviane Setragni
Portal Corrente
A Casa da Cultura de Corrente receberá na próxima quinta-feira (23), o evento Violência contra a mulher nunca mais. A iniciativa é dos estudantes do 4º bloco do curso de Bacharelado em Direito da Faculdade do Cerrado Piauíense, alusiva à campanha Agosto Lilás, mês em que é comemorada a criação da Lei Maria da Penha.

Com o objetivo de debater aspectos relacionados à violência contra a mulher, as fomas de proteção e os direitos da mulher, dentre outros assuntos, estão confirmadas as presenças de representantes do Ministério Público Estadual, da Defensoria Pública, da OAB  e da Polícia Civil, como explica a acadêmica Alessandra Arraes. "O nosso objetivo é abordar as diferentes formas de violência contra a mulher, não apenas a violência doméstica, mas todos os aspectos em que a mulher é vítima de alguma forma de violência", destaca.

A programação terá início com uma dramatização feita pelos próprios estudantes. A primeira palestra da noite terá como tema O direito da mulher e a lei Maria da Penha, que será ministrada pela Dra. Lucilene de Freitas Cunha Rufo, representante da OAB.

O aplicativo Salve Maria será o tema da palestra a ser ministrada pela Dra Carlane de Araújo Pinheiro, representante da Defensoria Pública. 

O representante da Polícia Civil, o delegado Leandro Damasceno, irá explanar sobre o o tema a Polícia Civil e o atendimento à mulher.

A ultima palestrante da noite será a Promotora de Justiça Gilvânia Alves Viana, representante do Ministério Público, com a palestra Em briga de marido e mulher todos devem meter a colher.

A noite contará ainda com depoimentos reais de mulheres e familiares de vítimas de violência.

A programação terá início às 19h e será aberto ao público.




 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp