27/04/2014 às 21h17min - Atualizada em 27/04/2014 às 21h17min

Eduardo Campos: "ninguém agüenta mais essa gente. Vamos banir a corrupção"

Afirma em Timon que vai colocar o PT na oposição e banir a corrupção.

GP1

Durante pronunciamento inflamado no encontro estadual do PSB do Maranhão, em Timon, o presidenciável Eduardo Campos, que havia desembarcado às 19 horas em Teresina, afirmou que as forças de oposição que comanda vão colocar o PT na oposição. E foi mais além: "ninguém agüenta mais essa gente. Aparelharam o Estado brasileiro com loteamento de cargos. Vamos diminuir pela metade esses ministérios e profissionalizar a administração e banir a corrupção".

O ex-governador de Pernambuco e candidato a presidente pelo PSB revelou ter conhecimento através de fontes de credibilidade de que já tem 14 por cento da preferência do eleitorado brasileiro, mesmo sendo desconhecido para a maioria dos que vão votar em Outubro.

Campos fez um relato de suas atividades durante o dia de sábado (26), contando ter estado pela manhã ao lado de Marina Silva em caminhadas pelo porto e pela cidade de Manaus, onde encontrou uma senhora que reconheceu Marina imediatamente e depois, virando-se para ele, implorou: "eu sei quem é o Sr. Por favor, lute e tire essa gente do Governo".

Imagem: Reprodução
Dilma Rousseff(Imagem:Reprodução)

Dilma Rousseff(Imagem:Reprodução)

Dilma Rousseff

Eduardo disse ter prometido à senhora que atenderia o seu pedido porque tem certeza na consciência da população, que exige mudanças imediatamente e um governo que cuide realmente da população e não de interesses de grupos poderosos.

Em Timon, ele falou depois de inflamados discursos, como o do prefeito Luciano Leitoa, do ex-governador José Reinaldo, do Maranhão, e do candidato líder das pesquisas ao governo do Maranhão, Flávio Dino. O prefeito Firmino Filho também fez um discurso inflamado, agradecendo Timon pela ajuda que recebeu na eleição, elogiando Eduardo Campos e enaltecendo a coligação feita no Piauí que vai permitir o Estado avançar. Também falou o ex-governador Wilson Martins e o ex-prefeito Chico Leitoa.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp