09/11/2018 às 11h27min - Atualizada em 09/11/2018 às 11h27min

MDB e Progressistas ensaiam acordo para evitar confronto na disputa pela presidência da Assembleia

Lidia Brito
Cidade Verde
Foto:WilsonFilho/CidadeVerde.com
O MDB busca um acordo com o Progressistas para evitar que o partido lance um nome de oposição na disputa pela presidência da Assembleia Legislativa do Piauí. O objetivo do partido é garantir a reeleição do presidente, deputado Themístocles Filho (MDB), com uma chapa de consenso, sem disputa.
 

O nome do Progressistas para compor chapa com Themístocles é do deputado Júlio Arcoverde. Ele é visto como o nome mais forte para enfrentar o emedebista em uma possível disputa. 

O deputado João Madison (MDB) não confirma o possível acordo, mas afirma que o MDB vai buscar o consenso. “A chapa de consenso que buscamos é com Themístocles Filho como o nome para a presidência.  Mas não fechamos nada ainda. Ainda temos dois meses para discutir. Queremos o consenso, mas se isso não ocorrer, vamos para a disputa”, disse.

A possibilidade de um acordo entre Progressistas e MDB passa por um acordo com o PT. O partido do governador Wellington Dias também manifesta o desejo de lançar um candidato. O nome mais cotado é do deputado Francisco Limma. Caso ocorra uma chapa de consenso, o PT pode indicar a primeira secretaria.  


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp