30/12/2017 às 18h36min - Atualizada em 30/12/2017 às 18h36min

Montanha nas nuvens

Por Gabriela Aguiar

Portal Corrente

Sobe, bem ao alto. Depois despenca de uma vez. E depois sobe de novo. Tudo isso num piscar de olhos, numa velocidade impressionante e num curto espaço de tempo. Poderia ser uma montanha russa, mas é a lei que rege a vida.

Numa pequena fração de segundos um giro, uma guinada radical, é capaz de mudar tudo. E de repente, num outro piscar de olhos, já estamos subindo ou descendo outra vez.

O controle emocional fica meio bambo. A adrenalina está sempre lá em cima. Ninguém sabe o que esperar na próxima curva, ninguém vê o final dos trilhos. Mas está lá, está sempre lá. Com picos elevados de coisas boas e quedas dotadas de momentos ruins. Um dia pode se estar nas nuvens, no outro o chão está perto demais da nossa visão. O que não vale é desafivelar os cintos, pois na mesma montanha da vida existem topos que valem a pena serem vistos.

Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp